Onde ficar em Cartagena das Índias, na Colômbia

 

A escolha de uma hospedagem, assim como o roteiro de uma viagem, seja ela qual for, depende muito do objetivo e os gostos pessoais de quem viaja.

No caso de Cartagena de Indias, na Colômbia, estas opções se estreitam a: ficar no centro histórico, dentro da “cidade amuralhada”; ou fora dele, mais especificamente no bairro Getsemaní, que mantém características do centro antigo, ou ainda o bairro Bocagrande, que está ali pertinho do centro histórico e tem um ar mais contemporâneo, com prédios novos e mais estruturados para atender à modernidade.

No entanto, eu aconselharia muito a escolher um hotel dentro da cidade amuralhada para que você faça tudo a pé, para que você retorne ao hotel quantas vezes achar necessário durante o dia, para que você abuse à vontade da gastronomia local que é maravilhosa e, se necessitar de um descanso após uma refeição você tenha uma cama e um ambiente com ar condicionado ali do lado. Sim. Ar condicionado em Cartagena faz toda a diferença. A cidade pega fogo. Foi o que fizemos, e adoramos.

E se você vai com criança, essa recomendação triplica a força. Fique MESMO dentro do centro histórico. É banheiro mais fácil, é sono, calor, uma roupa suja que precisa ser trocada, tudo de fácil acesso sem você ter que sair do hotel com uma mochila gigante contendo todos os apetrechos que você pode precisar para qualquer eventualidade com os pequeninos. Esses apetrechos, inclusive, virão em um próximo post sobre o que você não pode deixar de levar para Cartagena das Índias.

Pois bem. Não há dentro do centro histórico um melhor lugar para se hospedar porque tudo ali vai ser bem pertinho e a sua escolha vai depender de gostos pessoais. Mas vou deixar aqui um pequeno review do hotel que ficamos e sobre o que achamos necessário e não necessário ter em uma hospedagem para quem vai a Cartagena com crianças.

O que o hotel precisa ter

Para começar, acho que qualquer hotel no mundo deve ter um bom serviço e staff simpático e solícito. Estamos entendidos até aqui, não é?! Isso é o mínimo, acredito eu.

Ar condicionado e frigobar eu acho que são itens essenciais para quem vai a Cartagena, até mesmo para quem não vai com crianças. A cidade é realmente muito quente o ano todo, no verão especialmente. O sol parece que vai engolir a gente, então é preciso se hidratar o tempo todo e ter um local fresco para recuperar as energias vai ser em alguns momentos seu maior desejo.

Bom, eu diria que wifi é sim um luxo, mas para quem está fora de casa ele pode muitas vezes auxiliar na escolha de lugares a visitar, onde comer, horários de funcionamento e até a se locomover (mapas) e, claro, para buscar dicas de blogueiros viajantes e para fazer aquelas postagens nas redes sociais e matar saudades da família e amigos de forma barata quando ainda em viagem. Então, um bom wifi cai bem.

Café da manhã é bom porque te ajuda a economizar, mas também te prende a tomar café no hotel e, em uma cidadezinha onde você tem uma gama de lugares onde são ofertados cafés maravilhosos com uma diversidade de apetitosos quitutes a preços atrativos, você pode estar perdendo tempo. Então, fique atento. Se tiver café da manhã no hotel, que bom, mas não se prenda a esta comodidade em Cartagena.

O hotel que ficamos

Ficamos hospedados no Delírio Hotel. Ele fica localizado na Calle de la Iglesia, 35-27, no coração do Centro Histórico de Cartagena de Índias. Localização excelente. Da janela do nosso quarto tínhamos a vista da cúpula da catedral, como vocês podem ver nas fotos acima e na foto lá embaixo. Adoramos isso. O hotel é bem simples, muito simples mesmo, mas como nunca fizemos questão de luxo em viagens, nos atendeu bem. Não é nada que eu possa qualificar além de bom e eficiente.

Bom, um ponto muito importante para quem está com crianças. O Delírio Hotel não cobrou pela estadia da Malu, na época com 3 anos, mas também não ofertou a ela uma cama. Acho justo. Ela dormiu com a gente todas as noites. Mas a cama era bastante grande e nos acomodou bem.

O Staff em geral é bem simpático e muito atencioso: seja no café da manhã, ou para atender a um serviço solicitado no quarto, ou até mesmo no momento de deixar o hotel. A todo instante os funcionários nos trataram cordialmente nos fazendo sentir à vontade e mostrando presteza. No café da manhã tinham o cuidado de preparar sucos com frutas locais e nos apresentá-las deixando uma à mostra ao lado da jarra.

Não tivemos qualquer problema com segurança e nem limpeza. O quarto era limpo todos os dias. Na verdade, nos aconteceu um descuido. Malu deixou escapar um pouco de xixi na cama. Avisamos à responsável pela limpeza. Mas não trocaram a roupa de cama. Tivemos que nos virar para limpar e deixar secando com o calor intenso da cidade mesmo. Deixamos a janela aberta por um período. Deu certo. No entanto, também não nos deram a opção de cobrar a mais pela troca de lençol, como já ouvimos relatos em alguns hotéis. Nada foi feito quanto a este incidente.

Não vá esperando nada do que vir em fotos. O terraço não tem vista e está longe de ser um diferencial como nos fez parecer pelas fotos publicitárias. Ele é totalmente abandonado.

Preço não é justo. Não considero caro, mas também não é barato. Pelas comodidades oferecidas, acredito ser possível cobrar um valor mais em conta. Talvez sua excelente localização o deixe com uma oferta mais elevada. E a vista da cúpula realmente é maravilhosa.

Dica Extra: se tiver oportunidade, tente reservar um quarto com vista para a rua da catedral ou peça na recepção para que você possa desfrutar desse deslumbre. 🙂

One thought on “Onde ficar em Cartagena das Índias, na Colômbia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *